O número de novos desempregados nos Estados Unidos na semana encerrada em 21 de março aumentou na comparação com a semana precedente, e se aproximou do pico do ano, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Departamento do Trabalho.

De acordo com dados corrigidos das variações sazonais, os pedidos de seguro-desemprego aumentaram em 8.000 (1,2%), chegando a 652.000, um número próximo das previsões dos analistas, que apostavam 650.000.

Em 14 de março, a taxa de desemprego subsidiado (em dados corrigidos das variações sazonais) era de 4,2%, ou seja, 0,1 ponto a mais que sete dias antes. A taxa não era tão elevada desde 1983, mas o recorde histórico de maio de 1975 (7,0%) ainda está longe.

O Departamento do Trabalho registra 5,56 milhões de desempregados com seguro, 122.000 (2,2%) a mais que na semana anterior, o que representa um recorde deste indicador pela oitava semana consecutiva.

hh/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.