Atriz pornô japonesa leva internautas chineses a burlar censura

O que a multinacional Google não conseguiu está sendo feito pela pornografia. Milhares de internautas da China estão burlando a censura e abrindo contas no Twitter (bloqueado no país) para acompanhar uma célebre atriz pornô japonesa.

EFE |

Sora Aoi abriu em 30 de março sua conta no serviço de microblog Twitter , e, para sua surpresa, boa parte dos 30 mil seguidores que conseguiu em apenas duas semanas são da China, país onde em teoria o uso dessa popular ferramenta está proibido, relatam sites informativos como " Hsw.cn " e o blog em inglês " ChinaHush.com ".

Reprodução
Sora Aoi
Sora Aoi

A maior parte das mensagens que chegaram à atriz é em mandarim, por isso a atriz se dirigiu a seus novos admiradores: "estou surpresa de receber tantas mensagens e retuítes da China. Muito Obrigado!", escreveu em sua conta.

Aparentemente, tudo começou em 11 de abril, quando um usuário do principal portal chinês ( sina.com ) escreveu em um blog que a bela atriz estava no Twitter.

Segundo "Hsw.cn", trata-se da primeira vez que os internautas chineses podem dialogar diretamente com uma celebridade estrangeira, por isso que alguns inclusive classificaram o fato de "histórico".

A notícia também surpreende pelo fato de que na China a pornografia é proibida, o que não impediu, pelo visto, que muitos usuários chineses conheçam a atriz.

Leia mais sobre censura na China

    Leia tudo sobre: censura

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG