Atos por aniversário de Abdullah Ocalan deixa 2 mortos e 7 feridos

Ancara, 4 abr (EFE).- Pelo menos duas pessoas morreram e sete ficaram feridas durante as manifestações para celebrar hoje o aniversário do líder curdo Abdullah Ocalan em uma localidade do sudeste da Turquia, informou a televisão local.

EFE |

Cerca de 5 mil manifestantes se reuniram em Halfeti, na província de Sanliurfa, para ir à localidade de Omerli, onde Ocalan nasceu há 60 anos, mas encontraram as forças da ordem, que usaram material antidistúrbios.

Os manifestantes responderam jogando pedras e coquetéis molotov, sem que, por enquanto, a tensão tenha diminuído, informou a televisão turca.

Desde 1999, Ocalan, líder do ilegal Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) se encontra detido em uma prisão das cercanias de Istambul, acusado de atividades terroristas. EFE dt/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG