Atleta agredida no percurso da tocha em Paris recebe convite de Sarkozy

Pequim, 21 abr (EFE).- Nicolas Sarkozy, presidente francês, fez um convite à atleta paraolímpica chinesa Jin Jing para que ela visitasse a França, segundo a agência Xinhua informou nesta segunda-feira.

EFE |

Durante o percurso da tocha olímpica em Paris, manifestantes tentaram arrancar o símbolo dos Jogos das mãos de Jing.

O convite "para o próximo futuro" foi feito em uma carta apresentada à atleta em Xangai por Christian Poncelet, presidente do Senado da França, em visita à China.

"O que aconteceu em Paris em 7 de abril gerou um sentimento de amargura em seu país. Quero garantir que os incidentes provocados por um pequeno grupo de pessoas naquele triste dia não refletem os sentimentos de meus compatriotas pelos chineses", diz a carta.

"Os sentimentos dos chineses foram feridos nesse dia, especialmente pelo intolerável ataque que você sofreu e que condeno com a maior força", afirmou o presidente.

A atleta ficou feliz com o convite e disse que espera contribuir na melhora das relações entre os dois países, além de desejar uma excelente performance a todos franceses que participarem dos Jogos de Pequim.

Poncelet iniciou nesta segunda-feira uma visita oficial de uma semana, que foi anunciada ontem após milhares de cidadãos chineses se manifestarem em todo o país pedindo o boicote a produtos franceses e criticando a atitude da França para com os Jogos Olímpicos de Pequim. EFE cg/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG