Pelo menos 18 pessoas morreram e 58 ficaram feridas nesta segunda-feira em uma onda de atentados com carros-bomba em vários bairros de Bagdá, sobretudo em mercados.

Os ataques aconteceram em bairros de maioria xiita entre a 7H00 e as 9H00, período de muito tráfego.

A primeira explosão aconteceu em um grande mercado do bairro de Allaui, centro da capital. Quatro pessoas morreram e 15 ficaram feridas, a maioria jornaleiros que procuravam emprego.

O segundo atentado teve como alvo o comboio de um alto funcionário do ministério do Interior na zona sudeste de Bagdá. Um civil e um policial morreram na explosão, que também deixou seis oficiais feridos.

Na zona nordeste da capital, em Sadry City, grande bairro xiita, a explosão de um carro-bomba em um mercado matou 10 pessoas e feriu outras 28.

Em Husseiniye, na mesma área de Bagdá, outro carro-bomba em um mercado matou dois civis e feriu nove.

Os últimos meses registraram uma redução da violência nos últimos meses no Iraque, mas, apesar, da quantidade menor de ataque, os atentados permanecem uma rotina na vida dos iraquianos, especialmente na capital Bagdá.

Leia mais sobre: Iraque

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.