Atentados contra hotéis de Jacarta deixam nove mortos e 41 feridos

JACARTA - Ao menos nove pessoas morreram e 41 ficaram gravemente feridas na explosão de bombas em dois hotéis de luxo de Jacarta, na Indonésia, nesta sexta-feira.

Redação com agências internacionais |

AP
Explosão destruiu o restaurante do hotel Ritz-Carlton

Explosão destruiu o restaurante do hotel Ritz-Carlton

As explosões ocorreram por volta das 8h local (22h no horário de Brasília) e atingiram os hotéis Ritz Carlton e Marriott. Os dois estabelecimentos ficam no bairro de Kuningan e são muito frequentados por empresários e turistas.

Segundo a agência AP, ao menos 18 estrangeiros estão entre os mortos e feridos. A polícia afirmou que os ataques foram suicidas e realizados por dois homens que usaram "bombas de alta potência".

O presidente Susilo Bambang Yudhoyono disse que o ataque foi feito por um "grupo terrorista" mas afirmou ser precipitado atribuir a responsabilidade à organização Jemaah Islamiyah, considerada culpada por um ataque anterior ao hotel Marriott, em 2003, que matou 12 pessoas.

O grupo Jemaah Islamiyah luta pela criação de um Estado islâmico independente no sudeste da Ásia. O ataque ocorre uma semana após a eleição presidencial na Indonésia, o maior país muçulmano do planeta, vencidas por Yudhoyono.

(Com informações de AP e AFP)

Leia mais sobre Indonésia

    Leia tudo sobre: atentadoatentadosexplosãoindonésia

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG