Atentado suicida no Iraque deixa 15 xiitas mortos

Bagdá, 14 ago (EFE) - Um atentado suicida cometido hoje na cidade de Iskandariya, 50 quilômetros ao sul de Bagdá, deixou pelo menos 15 mortos - em sua maioria mulheres - e outros 40 feridos, segundo fontes do Ministério do Interior iraquiano.

EFE |

As fontes explicaram que uma mulher detonou o cinto de explosivos que carregava junto ao corpo no interior de uma tenda no bairro de Hetin, onde estavam alguns fiéis que se dirigiam para Karbala para participar, a partir de amanhã, em uma comemoração religiosa.

Entre os feridos há crianças e mulheres, afirmaram as fontes, que não descartaram que o número de mortos aumente.

Nestes dias, os fiéis xiitas andam a Karbala para participar da festividade que lembra o nascimento do 12º imame xiita, Mohammed al-Mahdi.

No marco dos preparativos para esta festividade, milhares de membros do Exército e da Polícia Iraquianos se desdobraram hoje nas estradas que levam a Karbala para proteger os fiéis de possíveis atentados.

Além disso, as autoridades marcaram os caminhos pelos quais as caravanas dos fiéis devem viajar para Karbala. EFE am/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG