Atentado suicida contra delegacia no Paquistão deixa três mortos

Um terrorista suicida explodiu uma bomba em uma delegacia de polícia no noroeste do Paquistão, matando pelo menos três pessoas e ferindo outras 14, informaram fontes policiais.

AFP |

"Três pessoas, dois policiais e um civil, morreram, e 14, a maioria agentes da polícia, ficaram feridas", disse o funcionário da polícia, Mohibulah Khan, à AFP.

"O suicida bateu com um jipe cheio de explosivos contra o prédio da delegacia", relatou.

O ataque aconteceu no distrito de Chaharbagh, no vale de Swat, onde recentemente militantes talibãs realizaram ataques contra as forças de segurança.

Um porta-voz talibã assumiu a autoria dos atentados perpetrados no sábado na mesma área.

Anteriormente, uma bomba acionada por controle remoto explodiu em um quartel abandonado, matando uma criança de oito anos e um homem, e deixando quatro feridos.

Em outro atentado, uma jovem morreu e cinco outras pessoas ficaram feridas quando um morteiro atingiu uma casa no distrito de Kabal, onde foi decretado toque de recolher.

str/mmg/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG