Quatro peregrinos xiitas morreram e 19 ficaram feridos neste domingo em um atentado no norte do Iraque contra uma procissão por ocasião do luto xiita da Ashura.

A explosão aconteceu às 9H00 locais em Tuz Jurmatu, cidade turcomana que fica 175 km ao norte de Bagdá, segundo o tenente-coronel da polícia Hussein al-Bayati.

Desde terça-feira, 32 pessoas morreram e 164 foram feridas em ataques contra cortejos de preparação da Ashura.

A explosão de uma bomba na cidade antiga de Kerbala matou uma pessoa e deixou 20 feridos, apesar das rígidas medidas de segurança instaladas nesta cidade onde se reúnem neste domingo centenas de milhares de religiosos xiitas.

A Ashura recorda a morte de Hussein, neto de de Maomé, filho de Ali, assassinado no ano 680 pelas tropas do califa omeia Yazid na batalha de Kerbala, em um conflito pela liderança dos muçulmanos, 48 anos depois da morte do fundador do islã.

str/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.