Atentado mata ao menos 8 e fere 75 no Sri Lanka

Nova Délhi, 16 mai (EFE).- Pelo menos oito pessoas morreram, entre elas dois civis, e outras 75 ficaram feridas em um atentado contra um ônibus da Polícia em pleno centro de Colombo, informou hoje à Agência Efe uma fonte militar do Sri Lanka.

EFE |

A explosão ocorreu ao meio-dia local (3h de Brtasília) e atingiu um ônibus policial que circulava pelas cercanias do Hotel Hilton, no distrito comercial da capital cingalesa.

Os feridos foram transferidos a vários hospitais próximos.

A fonte atribuiu o atentado aos Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE), guerrilha que luta pela independência do norte do Sri Lanka, e as autoridades suspeitam que a ação foi executada por um terrorista suicida.

Essa versão coincide com a de um site afim aos rebeldes, o "Tamilnet", que informou que um veículo que carregava uma bomba "se chocou contra um ônibus que transportava policiais antidistúrbios" a caminho de uma cerimônia oficial.

Segundo a fonte rebelde, o atentado ocorreu nas proximidades da secretaria presidencial do Sri Lanka.

Os "tigres" tâmeis lutam há mais de duas décadas para conseguir um Estado independente nas regiões do leste e do norte do país, onde a etnia tâmil é majoritária, frente à cingalesa, que domina o resto da ilha do Índico. EFE daa/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG