Atentado contra candidato a deputado mata 2 no Iraque

Bagdá, 28 fev (EFE).- Pelo menos duas pessoas morreram e outras sete ficaram feridas hoje em um atentado com carro-bomba na cidade de Ramadi, a oeste de Bagdá, contra um candidato a deputado nas eleições de 7 de março.

EFE |

Segundo funcionários do Ministério do Interior, o veículo carregado de explosivos foi detonado perto do carro de Ashur al-Karbuli, atualmente membro do Parlamento regional da província de Al-Anbar e candidato às eleições do Parlamento nacional pela coalizão Iraquiya (Iraquiano), dirigida por Iyad Allawi.

Karbuli saiu ileso do atentado, realizado pouco depois de ele deixar sua casa.

Em 13 de fevereiro, um conglomerado de grupos terroristas liderado pela Al Qaeda ameaçou impedir a realização das eleições parlamentares.

Também hoje, uma patrulha da Polícia encontrou uma vala comum na província de Diyala, no nordeste de Bagdá, onde foram achados os corpos de nove civis que tinham sido sequestrados pela Al Qaeda em meados de 2007.

Durante 2006 e 2007, milhares de iraquianos foram sequestrados, torturados e assassinados, em uma onda de violência sectária que quase colocou o país numa guerra civil. EFE am/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG