Atentado a equipe antidrogas mata 19 pessoas no Afeganistão

Por Jon Hemming CABUL - Militantes do Taliban mataram 19 pessoas, entre eles sete civis, e feriram outras 41 nesta terça-feira, em um atentado suicida contra uma equipe de erradicação de drogas no leste do Afeganistão, próximo à fronteira com o Paquistão, informou o Ministério do Interior.

Reuters |

O Taliban havia prometido executar ataques suicidas neste ano, para minar a confiança dos afegãos na capacidade de seu governo de oferecer segurança e desgastar o apoio no Ocidente à contínua presença de tropas internacionais no país.

'Relatos iniciais indicam que um militante suicida matou e feriu civis no centro do distrito, enquanto alguns membros da ANP (Polícia Nacional Afegã, na sigla em inglês) foram mortos e feridos perto de seu posto com pequenas armas e granadas lançadas por foguetes', disse o porta-voz das forças da Otan.

O ataque tinha como alvo um time de erradicação da plantação de papoulas para a fabricação de ópio, liderado pelo chefe do distrito, anciões tribais e autoridades policiais.

Eles foram atingidos quando saíam da sede do governo local em Kohgiani, cidade ao sul de Jalalabad, perto da fronteira com o Paquistão.

As forças da Otan escaparam ilesas e ajudaram a cuidar dos feridos e a encaminhá-los ao hospital, segundo o porta-voz.

Depois do ataque suicida, atiradores usaram armas pequenas e granadas, segundo a Força de Assistência à Segurança (FAS), liderada pela Otan.

Doze policiais e sete civis foram mortos, disse o Ministério do Interior. Dois jornalistas australianos também estavam entre os feridos, disse a rede de tv ABC em seu site.

'Este evento prova que... o cultivo e a produção de narcóticos no Afeganistão está relacionada inseparavelmente com as forças terroristas', disse um comunicado do Ministério do Interior.

No ano passado, o Afeganistão produziu 93 por cento do ópio mundial, que é processado para fazer heroína e exportado ao Ocidente. A produção de drogas é maior nas áreas em que o Taliban é mais forte, mas o governo afegão avançou na eliminação de plantações de papoula em algumas áreas, como Jalalabad, onde a segurança foi reforçada.

O Taliban promoveu mais de 140 atentados suicidas através do país contra alvos estrangeiros e do governo em 2007, mas a maioria das cerca de 200 vítimas era de civis.

Os conflitos se acentuaram no sul e no leste do país nas últimas semanas, com a chegada da primavera e a neve derretendo nas montanhas.

Saiba mais sobre: Paquistão - Afeganistão

    Leia tudo sobre: afeganistãopaquistão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG