Ataques matam 10 soldados da Otan no Afeganistão

Entre os mortos, há sete americanos; dia é um dos mais sangrentos para as forças militares ocidentais no país asiático

iG São Paulo |

Pelo menos dez soldados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), incluindo sete americanos, morreram nesta segunda-feira em ataques insurgentes separados no sul e no leste do Afeganistão, tornando este dia um dos mais sangrentos para as forças militares ocidentais no país. "Hoje (segunda-feira) dez soldados da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf, na sigla em ingles) morreram no Afeganistão," disse um porta-voz da Isaf, missão sob comando da Otan.

AFP
Soldados da Otan participam de treinamento na cidade de Kandahar, Afeganistão
No leste do país, cinco soldados perderam a vida por causa da explosão de uma bomba artesanal, em incidente não detalhado pela  (Isaf). Em outra operação, um militar da Otan morreu em um ataque com armas leves na mesma região.

No sul afegão, um soldado morreu com a explosão de uma bomba caseira. Horas antes, a Isaf divulgou outro comunicado informando a morte de outros três soldados, dois deles em um atentado e um em combate.

Desde 1º de janeiro, 245 soldados estrangeiros morreram no Afeganistão, dos quais 148 são americanos, de acordo com uma contagem da AFP baseada no site icasualties.org.

Também nesta segunda-feira, três membros da milícia islâmica Taleban com coletes suicidas tentaram atacar um campo de treinamento policial perto do principal aeroporto da Província de Kandahar, no sul do Afeganistão, onde o movimento Taleban tem forte presença.

A Embaixada dos EUA em Cabul assegurou em outra nota que, além dos fundamentalistas, o ataque deixou outros dois mortos, entre eles um "cidadão americano". Pelo comunicado da Otan não é possível saber se algum dos soldados morreu no ataque em Kandahar.

No Afeganistão estão em serviço 130 mil soldados estrangeiros à espera de um último reforço de 20 mil militares. Há meses as tropas internacionais, que lançaram em fevereiro um grande ataque contra os redutos Taleban na Província de Helmand, planejam uma nova ofensiva na vizinha Kandahar.

*Com EFE e AFP

    Leia tudo sobre: AfeganistãosoldadosEUAmortesTaleban

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG