Ataques israelenses à Faixa de Gaza matam quatro palestinos

Quatro palestinos, entre eles um garoto de 13 anos, morreram nesta terça-feira em vários ataques do Exército israelense contra a Faixa de Gaza, informaram testemunhas e os serviços de emergência locais.

AFP |

O menino, identificado como Majd Kalil Abu Okal, foi mortalmente ferido em um ataque aéreo em Beit Lahya, no norte do território, relatou o doutor Muawiya Hassanin, chefe do serviço de emergência.

O Exército israelense confirmou o ataque, afirmando que tinha como alvo uma "célula que disparou foguetes" contra a cidade de Sderot, no sul. Três foguetes alcançaram o sul de Israel sem deixar vítimas, segundo fontes militares israelenses.

Pouco depois do ataque aéreo, o palestino Ali Al-Dahdu, de 32, foi morto por um disparo israelense no setor de Maghazi, no centro da Faixa de Gaza, de acordo com os serviços de urgência.

Um porta-voz militar israelense mencionou um "ataque aéreo contra um grupo de palestinos que colocavam um artefato explosivo nas proximidades do muro de segurança" entre a Faixa e Israel.

Um ativista palestino do braço armado de Hamas, Mohamad Odeh, de 28, morreu em Zeitun, um bairro de Gaza, anunciou o chefe dos serviços de emergência. Segundo testemunhas palestinas, Odeh foi vítima de disparos de tanques israelenses.

O Exército israelense não confirmou essa informação.

Outro ativista do Hamas ferido pelos disparos, Zeid Abu Wadi, de 21, faleceu no hospital, informaram fontes médicas.

Esses ataques também deixaram 15 feridos, segundo os serviços médicos palestinos.

Os ataques do Exército israelense são quase que diários contra a Faixa de Gaza controlada desde junho de 2007 pelo Hamas, em resposta aos disparos de foguetes palestinos sobre localidades do sul de Israel.

Pelo menos 475 pessoas, quase todas palestinas e, em sua maioria, membros de grupos armados, morreram desde a retomada das negociações de paz entre Israel e os palestinos, em novembro de 2007, em Annapolis, nos EUA, segundo balanço da AFP.

az-ezz-pfm/tt

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG