Tbilisi, 7 ago (EFE).- As autoridades da separatista região da Ossétia do Sul afirmaram hoje que pelo menos 18 pessoas ficaram feridas em um intenso ataque com fogo de artilharia na noite desta quinta-feira.

"O ataque durou toda a noite. Somente no Hospital Clínico foram internadas doze pessoas feridas", disse à Agência Efe Maya Jarébova, subdiretora do Comitê de Imprensa de Informação da Ossétia do Sul.

Jarébova afirmou que entre os ferido há uma mulher de 88 anos que vive na localidade de Jetagurovo, uma das cinco aldeias atacadas ontem à noite.

Segundo os separatistas, as forças georgianas usaram fogo de artilharia, lança-granadas e armas leves no ataque.

Jarébova acrescentou que também foram atacados os subúrbios de Tskhinvali, e assegurou que a Geórgia concentra tropas, artilharia e blindados junto à cidade.

Um porta-voz do Ministério do Interior da Geórgia disse à Efe que não há nenhuma concentração de tropas nas proximidades de Tskhinvali, e que as forças de paz e policiais georgianos que estão na zona do conflito "somente respondem ao fogo dos separatistas".

EFE mv/mh

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.