Ataques de rebeldes no sul da Tailândia deixam 13 mortos

Bangcoc, 14 set (EFE).- Pelo menos 13 pessoas, entre elas cinco soldados, foram mortos em diferentes ataques realizados por rebeldes durante o fim de semana na região muçulmana do sul da Tailândia, informaram fontes oficiais.

EFE |

Os cinco soldados morreram na noite deste domingo em uma emboscada feita por um grupo de oito insurgentes armados com fuzis nas proximidades de uma mesquita de Yala, capital da província de mesmo nome e cerca de 1.100 quilômetros ao sul de Bangcoc.

No dia anterior, oito civis, incluindo um jovem de 19 anos a quem os rebeldes degolaram, morreram em ataques nas províncias vizinhas de Narathiwat e Pattani, segundo assinalou um porta-voz da delegacia regional da Polícia.

Semana passada, a explosão de um carro-bomba na vizinha cidade de Narathiwat causou 42 feridos, sete deles graves. EFE grc/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG