Ataques a quartéis policias deixam 3 mortos no México

México, 11 jul (EFE).- Pelo menos três pessoas morreram em ataques de supostos membros de grupos narcotraficantes contra quartéis da Polícia federal, em sete cidades do estado mexicano de Michoacán, no sudoeste do país, informaram hoje fontes oficiais.

EFE |

Fontes do Governo de Michoacán confirmaram à Agência Efe que os ataques foram realizados durante esta madrugada contra várias bases da Polícia Federal Preventiva (PFP), em Morelia, capital do estado, e outras cidades, que também deixaram vários feridos.

Na cidade de Zitácuaro o tiroteio contra os escritórios da corporação deixou três mortos, indicaram as fontes, que preferiram manter o anonimato e acrescentaram que os pistoleiros também dispararam contra os escritórios da subprocuradoria de justiça do estado.

Outros ataques foram registrados em Apatzingán, onde o alvo foi o hotel Posada del Sol, onde estavam hospedados os agentes federais da PFP. Além disso, outro tiroteio foi registrado no porto de Lázaro Cárdenas, no Pacífico.

As instalações da PFP nas cidades de Zamora e Huetamo também foram atacadas, onde pelo menos uma pessoa morreu e várias ficaram feridas, sem um número confirmado.

A imprensa local afirmou que os ataques foram feitos contra as instalações da PFP, em particular a divisão da Polícia Federal de Estradas.

Em Morelia, a imprensa local disse que o ataque deixou seis agentes feridos.

Durante a madrugada de hoje, vários enfrentamentos entre grupos armados foram registrados, que deixaram dois mortos e quatro detidos, entre eles uma mulher hondurenha.

Estas mortes se somam às 3.553 registradas neste ano em todo o país, segundo dados extra-oficiais do jornal "El Universal". EFE jrm/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG