Ataque suicida mata 3 civis em frente a mesquita no Afeganistão

Cabul, 17 abr (EFE).- Pelo menos três civis morreram hoje e outros 16 ficaram feridos quando um suicida detonou sua carga explosiva em frente a uma mesquita na província afegã de Nimroz, informou à Agência Efe uma fonte oficial.

EFE |

O governador da região, Gholum Dastagir Azad, disse que o atentado ocorreu em Zaranj, capital de Nimroz, logo depois da hora da reza muçulmana.

Alguns minutos antes, outro suicida vestido com o uniforme de um agente foi baleado pela Polícia quando tentava entrar na residência do ministro para os Refugiados afegão, Abdul Karim Bahrawi, segundo Azad.

"A Polícia reconheceu o suicida e detonou seu colete explosivo após disparar contra ele várias vezes", disse o governador, acrescentando que não houve vítimas além do suicida, e confirmou que o ministro está "são e salvo".

Também na relativamente tranqüila província de Balkh, no norte do país, houve um ataque suicida contra um comboio das tropas da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

Uma fonte policial explicou à Efe que o atentado ocorreu no distrito homônimo desta região, e que, como resultado, dois soldados ficaram feridos, mas não informou algum número de vítimas fatais.

No entanto, de Oslo, o Ministério da Defesa norueguês confirmou o ataque e disse que um soldado morreu.

Segundo a versão norueguesa, um comboio de suas tropas, enquadradas na Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf), sob comando da Otan, patrulhava a zona quando uma bomba explodiu na passagem do veículo. EFE lo-amp/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG