Cabul, 27 out (EFE).- Um ataque suicida contra as sedes sociais da Polícia na província afegã de Baghlan (norte) deixou pelo menos um soldado americano morto e cinco feridos, informam fontes oficiais.

O ataque aconteceu hoje às 3h50 (horário de Brasília), quando um suicida usando um uniforme da Polícia foi preso ao tentar entrar nos escritórios da Polícia em Puli Khumri, capital da província, disse à Agência Efe o governador Abdul Jabar Haqbin.

Segundo Haqbin, o suicida detonou os explosivos que levava e causou a morte de um soldado americano, enquanto o chefe da Polícia, Abdul Rahman Sayed Khaili, estava reunido com seus assessores americanos no interior do recinto.

Khaili, que ficou ileso, afirmou à Efe que uma criança e outros quatro agentes sofreram ferimentos no ataque.

Nenhum grupo reivindicou até agora os fatos, embora os talibãs tenham realizado no passado inúmeros atentados suicidas contra as forças de segurança.

No Afeganistão morreram neste ano mais de 4.300 pessoas vítimas da violência. EFE lo/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.