Ataque suicida deixa pelo menos 15 mortos e 40 feridos no Iraque

Bagdá, 22 jun (EFE).- Uma mulher detonou um cinto de explosivos que levava junto ao corpo e matou pelo menos 15 pessoas e deixou mais 40 feridos na cidade iraquiana de Baquba, informaram fontes policiais à Agência Efe.

EFE |

Segundo as fontes, a suicida detonou os explosivos na entrada da sede do Governo da província de Diyala, em um local no qual um grande número de veículos da Polícia estava estacionado.

O comboio da Polícia que foi atingido pelo ataque estava esperando para transferir vários detidos da sede do tribunal para a prisão, afirmaram as fontes.

Entre os mortos estavam seis policiais, enquanto a maior parte dos feridos é de civis, alguns dos quais estão em estado grave.

A explosão também causou o incêndio de vários carros da Polícia e civis que estavam estacionados no local do ataque.

O atentado de hoje é 14º ataque suicida cometido por uma mulher em Diyala nos últimos meses.

Quase todas elas foram recrutadas pela rede terrorista da Al Qaeda no Iraque. EFE am/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG