Ataque mata 1 em Israel durante visita de diplomata da UE a Gaza

JERUSALÉM (Reuters) - Militantes palestinos atiraram um foguete contra Israel a partir da Faixa de Gaza nesta quinta-feira, matando um trabalhador agrícola tailandês, enquanto a chefe de relações exteriores da União Europeia visitava o enclave controlado pelo Hamas. A diplomata da UE Catherine Ashton havia atravessado de Israel para a Faixa de Gaza cerca de uma hora antes do ataque, o primeiro com morte partindo de Gaza desde o final da guerra de 2009 na região.

Reuters |

Um grupo desconhecido de Gaza, Ansar al-Sunna, assumiu responsabilidade pelo ataque, lançado um dia antes da reunião do quarteto de mediadores internacionais para o Oriente Médio, em Moscou, para discutir meios de retomar os diálogos entre Israel e os palestinos.

A polícia israelense e o serviço ambulatório Magen David Adom disseram que o foguete atingiu Netiv Ha'asara, uma comunidade agrícola, matando um trabalhador tailandês.

Militantes palestinos têm realizado ataques esporádicos com foguetes e morteiros lançados da Faixa de Gaza contra Israel, geralmente sem vítimas.

O número desses ataques caiu drasticamente desde a guerra que ocorreu entre dezembro de 2008 e janeiro de 2009, iniciada por Israel na Faixa de Gaza com objetivo declarado de por fim a esses ataques.

(Por Jeffrey Heller)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG