Ataque de guerrilheiros mata 10 policiais na Índia

Rebeldes maoístas explodiram um carro e em seguida abriram fogo contra os oficiais no distrito de Dantewada

EFE |

Dez policiais morreram e três ficaram gravemente feridos nesta sexta-feira em um ataque de guerrilheiros maoístas no distrito de Dantewada, no estado indiano de Chhattisgarh, informaram fontes da Polícia. Citadas pela imprensa local, as fontes precisaram que os rebeldes ativaram uma bomba que destruiu um carro antiminas, e em seguida abriram fogo com armas automáticas contra os dois veículos em que viajavam os membros das forças de segurança.

Trata-se do segundo ataque da guerrilha maoísta nas últimas 24 horas na mesma região, depois que outros cinco policiais morreram na quinta-feira metralhados no distrito de Narayanpur, também em Chhattisgarh. A guerrilha maoísta tem suas fortificações no chamado "cinturão vermelho", uma faixa de território no centro e no leste do país onde contam com campos de treinamento. O governo da Índia declarou os rebeldes maoístas como a principal ameaça para a segurança interna.

    Leia tudo sobre: ÍNDIACONFLITOrebeldes maoístas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG