Ataque da coalizão no Afeganistão mata vários civis

Dezesseis pessoas, incluindo oito mulheres e crianças, morreram em um bombardeio das forças internacionais no oeste do Afeganistão, anunciou a polícia afegã, ao mesmo tempo que o Exército americano informou a morte de 15 insurgentes.

AFP |

Pouco depois de um ataque aéreo na noite de segunda-feira em Herat, a grande cidade do oeste do país, foram encontrados os corpos de seis mulheres e duas crianças, declarou à AFP Ikramuddin Yawar, chefe de polícia da região.

Também foram encontrados os corpos de oito homens e as autoridades acreditam que pelo menos três eram insurgentes islamitas.

Já a coalizão internacional liderada pelos Estados Unidos afirma que o bombardeio aéreo tinha como alvo o líder rebelde Gholam Yahya Akbari.

"Até 15 rebeldes a este insurgente podem ter morrido no bombardeio", afirma um comunicado militar.

Os erros cometidos durante os bombardeios das forças internacionais no Afeganistão provocam a revolta da população e das autoridades afegãs.

str-sak-br/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG