Ataque contra o prédio da Bolsa de Bagdá deixa dois mortos

Dois seguranças que tentavam evitar a entrada dos criminosos morreram e quatro pessoas ficaram feridas

AFP |

Dois seguranças morreram neste domingo ao tentar evitar um ataque de quatro homens armados contra o prédio da Bolsa de Bagdá, informou o ministério do Interior do país.

De acordo com o órgão político, quando perceberam a aproximação das forças de segurança do distrito de Karrada, no centro da capital, os criminosos detonaram um carro-bomba, o que provocou as mortes e deixou quatro feridos.

Os insurgentes se refugiaram na igreja Saiydat al Najat (Nossa Senhora da Saúde), que fica perto do local do ataque. Em 2 de agosto de 2004 esta igreja foi atacada, assim como outros cinco templos cristãos, o que deixou vários mortos e feridos.

O porta-voz do comando de operações de Bagdá, general Qassem Atta, informou que a igreja estava cercada pelas forças de segurança na tarde de domingo.

    Leia tudo sobre: Bagdáigrejabolsa

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG