Ataque contra mesquita termina com pelo menos 1 morto e 5 feridos no Iraque

BAGDÁ - Um ataque contra uma mesquita de Bagdá deixou pelo menos um civil morto e outros cinco feridos, informam fontes da Polícia, que também citaram a detenção de duas mulheres, supostamente terroristas suicidas.

EFE |

As fontes relataram à Agência Efe que o civil morreu por causa da explosão de uma bomba em uma mesquita xiita conhecida com o nome de Haider, que fica no bairro de Al Shaab, no norte de Bagdá.

No atentado, que aconteceu quando os fiéis deixavam o templo após participarem da oração de sexta-feira, outras cinco pessoas foram feridas.

Além disso, duas mulheres que aparentemente planejavam se matar foram detidas na província de Diyala.

Uma delas foi detida em Baquba, capital desta província, enquanto a outra foi detida em Abi Sida, localidade que fica a 45 quilômetros de Baquba.

Segundo fontes das forças de segurança citadas pela agência iraquiana "Aswat Al Iraq", as duas supostas terroristas estavam preparando atentados contra centros de segurança.

Desde agosto, foram detidas pelo menos quatro mulheres que aparentemente pretendiam cometer atentados suicidas.

Por outro lado, segundo um comunicado americano emitido hoje, um soldado americano morreu ontem como conseqüência de tiros na província de Diyala.

A nota não dá mais detalhes sobre a identidade do soldado nem sobre as circunstâncias nas quais aconteceu sua morte.

Leia mais sobre atentado

    Leia tudo sobre: atentadoiraque

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG