Ataque aéreo israelense mata 1 palestino no sul de Gaza

Gaza, 3 fev (EFE).- Um jovem palestino que trabalhava em um dos túneis subterrâneos que ligam o sul da Faixa de Gaza com o Egito morreu hoje em um ataque aéreo israelense, disseram fontes do serviço médico palestino.

EFE |

O chefe dos serviços emergenciais do Ministério da Saúde em Gaza, Moawiya Hasanin, disse que o morto, de 21 anos, perdeu a vida no desabamento do túnel no qual estava trabalhando.

Segundo informações, a passagem subterrânea ruiu devido ao tremor da explosão causada por um dos foguetes lançados esta madrugada pela aviação israelense, e não por um impacto direto.

Moradores do sul da Faixa de Gaza disseram que, depois da meia-noite, ouviram cinco explosões seguidas, uma delas na região onde geralmente são construídos os túneis.

Fontes palestinas citadas pela imprensa local disseram inicialmente que três pessoas ficaram feridas nos bombardeios.

Hasanin, por sua vez, afirmou que a única vítima foi o jovem morto.

O Exército israelense também comentou o ocorrido. Em nota, disse que, em uma operação conjunta das Forças Armadas e do serviço de inteligência, aviões atacaram "dois alvos terroristas no sul da Faixa de Gaza usados pelo Hamas".

"Um deles é um túnel terrorista, usado para terroristas se infiltrarem em Israel, enquanto o outro é usado para o contrabando de armas", declararam os militares israelenses. EFE sar/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG