Ataque aéreo de Israel mata comandante do Hamas em Gaza

Israel lançou ataques aéreos contra alvos em Gaza na sexta-feira depois que um foguete disparado do enclave explodiu em Ashkelon

Reuters |

Um ataque aéreo israelense matou um comandante militar do Hamas e fabricante de foguetes na Faixa de Gaza, informou neste sábado o grupo islâmico que controla o território palestino.

Israel lançou ataques aéreos contra alvos em Gaza na sexta-feira depois que um foguete disparado do enclave explodiu na cidade de Ashkelon. Issa Batran foi morto por um míssil que atingiu sua caravana.

Os ataques também atingiram um campo de treinamento na Cidade de Gaza usado pelo Hamas e túneis de contrabando ao longo da fronteira sul do território, que faz divisa com o Egito. Várias pessoas foram feridas por destroços.

O Hamas disse que Batran era um fabricante de foguetes e líder de sua ala militar na Faixa de Gaza. O grupo militante tem um arsenal de projéteis grosseiros e artesanais e foguetes de maior alcance contrabandeados pelos túneis sob a fronteira com o Egito.

Israel levou a cabo os ataques depois que militantes em Gaza dispararam um foguete contra a cidade mediterrânea de Ashkelon, estourando vidraças de um bloco de apartamentos e danificando carros estacionados em uma área residencial.

Ninguém ficou ferido pela explosão, que a polícia disse ter sido causada por um foguete Grad de 122 milímetros de fabricação chinesa. Mas o ataque colocou fim a mais de um ano de calma na cidade israelense mais próxima de Gaza.

Foi o pior ataque contra Ashkelon, que tem uma população de 125 mil pessoas e está a cerca de 12 quilômetros ao norte da Faixa de Gaza, desde que Israel encerrou uma ofensiva militar de três semana em Gaza em janeiro de 2009.

    Leia tudo sobre: MUNDOORMEDISRAELHAMAS

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG