Ataque aéreo de Israel deixa quatro milicianos palestinos feridos em Gaza

Jerusalém, 14 nov (EFE).- Um ataque aéreo realizado pelo Exército de Israel feriu quatro milicianos palestinos no norte de Gaza, em um novo golpe à fraca trégua entre Hamas e Israel, informaram à Agência Efe fontes médicas palestinas.

EFE |

Dos quatro feridos, dois deles são sem gravidade, informou o chefe dos serviços de emergência e ambulâncias do Ministério de Saúde de Gaza, Moawiya Hasanein.

O Exército israelense confirmou o ataque contra uma célula que, anteriormente, teria lançado foguetes artesanais contra o sul de Israel.

As Brigadas de Ezzedin al-Qassam, braço armado do Hamas, reivindicaram o lançamento de projéteis contra a localidade israelense de Sderot, que fica a poucos quilômetros da Faixa, e reconheceram que os feridos no ataque aéreo pertencem a seu grupo.

Durante a noite passada e até o início da manhã, as milícias palestinas lançaram dez foguetes Qassam e bombas contra o sul de Israel, informa um porta-voz militar israelense.

Os estilhaços de um deles feriu levemente uma idosa de 80 anos em Sderot, informou a Estrela de Davi Vermelha (equivalente à Cruz Vermelha).

Os incidentes representam uma nova violação do frágil cessar-fogo que o Hamas e Israel mantêm em Gaza desde junho passado e que parece estar apenas no papel. EFE ap/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG