Ataque a comércio deixa 15 mortos em Honduras

Polícia ainda não tem pistas das causas da chacina

AFP |

Quinze pessoas foram mortas a tiros de fuzis automáticos na tarde desta terça-feira, por razões ainda desconhecidas, em uma loja da cidade de San Pedro Sula, no norte de Honduras, informaram as autoridades.

Segundo informações preliminares, dois ou três homens não identificados entraram em uma oficina de sapateiro onde trabalhavam 25 pessoas e as atacaram com fuzis AK-47, deixando 13 mortos no local e 6 feridos, informou à AFP o porta-voz do ministério de Segurança, Leonel Sauceda.

O oficial afirmou que dos seis feridos, dois morreram após darem entrada em um hospital de San Pedro Sula, cidade situada 240 km ao norte de Tegucigalpa.

Sauceda admitiu que a polícia ainda não tem pistas das causas da chacina porque o trabalho dos legistas e dos detetives apenas está começando na cena do crime.

    Leia tudo sobre: Hondurasmortes

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG