Ataque a acampamento de principal traficante das Farc mata 8

Bogotá, 3 set (EFE).- Oito guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) morreram hoje em um bombardeio a um acampamento no qual se encontrava o principal responsável pelo narcotráfico do grupo guerrilheiro, informou o presidente do país, Álvaro Uribe.

EFE |

Na mesma ação, levada a cabo na localidade de La Macarena (centro), foram detidos três guerrilheiros.

Porém, as tropas continuam atrás de Gener García Molina, conhecido como "John 40", da frente 43 das Farc e principal responsável pelo tráfico de drogas dentro da guerrilha.

As autoridades também perseguem outro grupo de insurgentes que fugiram durante o bombardeio.

Entre os rebeldes mortos está Neftalí Múrcia Vargas, conhecido como "Camilo Tabaco", da facção Manuela Beltrán das Farc.

"Foi confirmado que o guerrilheiro Tabaco (...) foi morto junto com outros comparsas", disse Uribe a jornalistas em Bogotá.

Segundo o governante, Tabaco era acusado pelo povo de ser "o causador de muitos ataques (...), de muitos derramamentos de sangue".

No acampamento atacado, foram apreendidas duas metralhadoras, 12 fuzis e munição. EFE rrm/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG