O atacante paraguaio Salvador Cabañas, 29 anos, encontra-se em estado grave após ter sido baleado na cabeça na madrugada desta segunda-feira em um bar na capital mexicana. Falando à rede de TV Televisa, o presidente do clube onde atua o jogador, o América do México, disse que Cabañas chegou consciente a um hospital da Cidade do México.

"Ele estava um pouco confuso sem saber o que lhe tinha acontecido e perguntando para onde o estavam levando", disse Michel Bauer.

"As primeiras notícias indicam que a bala entrou na cabeça e não saiu", disse o promotor público da Cidade do México, Miguel Ángel Mancera, também à Televisa.

Assalto ou discussão?
Não está claro se Cabañas foi atingido no banheiro do bar, pouco antes do amanhecer, por causa de um assalto ou uma discussão.

O paraguaio, que joga no México desde 2003, tinha ido ao bar com sua esposa.

A polícia mexicana afirmou ter prendido dois suspeitos.

Cabañas é titular da equipe paraguaia que disputa a primeira fase do Mundial 2010 na África do Sul no mesmo grupo que Itália, Nova Zelândia e Eslováquia.

Eleito o melhor jogador sul-americano pelo jornal uruguaio El Pais em 2007, o atacante marcou gols contra o Brasil nas duas partidas disputadas pelas eliminatórias da Copa da África do Sul.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.