Astrônomos descobrem o exoplaneta mais parecido com a Terra

Astrônomos anunciaram nesta terça-feira a descoberta do exoplaneta mais similar à Terra descoberto até agora, o Gliese 581e, embora suas características impeçam o desenvolvimento da vida da forma que conenhecemos.

AFP |

A descoberta foi feita pelo espectrógrafo HARPS, instalado no telescópio de 3,6 metros do Observatório Europeu Austral (ESO) em La Silla, na cidade chilena de La Serena, norte de Santiago.

"É um planea de origem rochosa, que tem menos de duas vezes a massa da Terra, mas lamentavelmente orbita sua estrela em uma órbita muito pequena e próxima, o que significa que a temperatura em sua superficie é muito alta, o que faz com que a vida, como conhecemos, não seja possível nessa planeta", explicou Gaspare Lo Curto, astrônomo da ESO.

Os exoplanetas se localizam foram do Sistema Solar e orbitam uma estrela própria. O novo exoplaneta descoberto está localizado no sistema Gliese 581 e orbita sua estrela mãe - situada a 20,5 anos-luz de distância - na constelação de Libra.

pa/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG