Astronautas encerram saída espacial sem completar tarefa

MIAMI - Astronautas do ônibus espacial americano Discovery concluíram neste domingo a terceira e última saída prevista, durante a qual por mais de sete horas instalaram novos equipamentos na Estação Espacial Internacional (ISS), mas sem completar todas as conexões necessárias.

Redação com agências internacionais |

O americano Danny Olivas e o sueco Christer Fuglesang, da Agência Espacial Europeia (ESA), iniciaram as manobras na tarde de sábado e retornaram à nave ao fim da noite, segundo a Nasa.

AFP

Astronauta "caminha" pelo espaço

Na terceira e última saída ao espaço da missão, que envolveu várias tarefas de manutenção, os astronautas completaram os principais objetivos, mas não todos.

"Durante a conexão de um dos dois grupos de cabos da aviônica do Nodo 3, não conseguiram ligar um dos conectores", explicou a Nasa. Eles envolveram o cabo e o conector em uma capa para proteção.

Nas saídas anteriores, os astronautas substiuíram um tanque por outro de amoníaco, que serve como refrigerador para os sistemas de aviônica da ISS.

O s astronautas mudaram também um aparelho projetado para ajudar a estação a determinar sua posição em relação à Terra, instalaram duas antenas GPS, assim como uma coberta isolante em um cabo cuja conexão apresenta problemas. Além disso substituíram um módulo de controle remoto.

Olivas, Fuglesang e a astronauta Nicole Stott passaram no total mais de 19 horas fora da ISS durante as três caminhadas que terminaram ontem.

Olivas, líder das expedições extraveiculares, esteve presente nas três caminhadas.

A "Discovery", que realiza a missão STS-128 das naves, deve retornar ao Centro Espacial Kennedy, na Flórida, na próxima quinta-feira dia 10 de setembro.

* Com EFE e AFP

Leia mais sobre: Discovery

    Leia tudo sobre: nasaônibus espacial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG