Astronautas da ISS ficam sem roupas íntimas

Moscou, 16 jul (EFE).- Os astronautas da Estação Espacial Internacional (ISS) que participam do programa da Nasa (agência espacial americana) tiveram que pedir roupas íntimas emprestadas de seus colegas russos, à espera da chegada do ônibus espacial Endeavour, informou hoje a agência oficial Itar-Tass.

EFE |

"O fornecimento de roupas e peças íntimas para os astronautas dos países participantes do programa da ISS (com exceção dos russos) só acontece através da Nasa e só a bordo das naves", precisou o chefe de design de roupa espacial Alexander Yarov.

Acrescentou que, recentemente, a agência espacial americana deixou de encomendar a roupa à empresa russa, que a envia pontualmente a bordo das naves "Progress", por isso, "agora, o armário dos astronautas depende da regularidade dos voos das naves".

"Em geral, os cosmonautas contam no espaço com uma muda de roupa interna descartável a cada três dias e, em caso de pouca atividade física, trocam com menos frequência", disse.

Segundo Yarov, ao contrário dos americanos, que fornecem a seus astronautas vestuário padrão e artigos de higiene pessoal das lojas, os especialistas russos desenharam roupas e acessórios especiais para garantir o máximo conforto em órbita.

O "Endeavour", que deveria ter partido para a plataforma orbital em 13 de junho, foi lançado finalmente ontem à noite ao espaço, após cinco adiamentos em uma missão de 16 dias.

Mas quem mais comemorou o bem-sucedido lançamento do "Endeavour" foi o astronauta japonês Koichi Wakata, quem chegou à ISS em meados de março e já está no espaço um mês a mais que o previsto. EFE egw/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG