Astronautas da ISS farão caminhada espacial não prevista

Moscou, 3 mar (EFE).- A tripulação permanente da Estação Espacial Internacional (ISS, em inglês) realizará uma caminhada não prevista, inicialmente para instalar no exterior do módulo russo Zvezda um dispositivo científico europeu, informou hoje um porta-voz do Centro de Controle de Voos Espaciais (CCVE) da Rússia.

EFE |

"Durante toda esta semana, o comandante da 18ª missão, Michael Fincke, e o engenheiro de bordo, Yuri Lonchakov, prepararão a saída ao espaço. A data ainda não foi fixada, mas a caminhada será realizada imediatamente depois do Dia da Mulher, 8 de março", disse o porta-voz, citado pela agência russa "Itar-Tass".

Os astronautas tentarão pela segunda vez instalar no exterior do módulo "Zvezda" um dispositivo científico para a realização do experimento Expose-R.

Este projeto, com a participação da Agência Espacial Europeia (ESA) e da Roscosmos (agência espacial russa), tem como objetivo tentar entender melhor o comportamento da matéria orgânica no vazio do espaço.

Na primeira tentativa, realizada durante uma saída ao espaço em 23 de dezembro, os astronautas detectaram uma falha técnica no dispositivo após a instalação, por isso decidiram desmontá-lo naquela mesma caminhada.

Além disso, Fincke e Lonchakov deverão realizar várias tarefas de caráter técnico que ficaram pendentes na caminhada anterior, assim como o experimento científico Panorama, para a supervisão do estado do casco e dos elementos de construção do segmento russo da plataforma orbital. EFE egw/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG