Assembléia venezuelana discutirá no dia 18 reeleição presidencial ilimitada

Caracas, 9 dez (EFE) - A governista Assembléia Nacional (AN) da Venezuela anunciou hoje que no dia 18 submeterá à primeira discussão o projeto de emenda constitucional para instaurar a reeleição presidencial ilimitada, que o presidente Hugo Chávez requer para poder concorrer novamente ao cargo em 2012. A presidente da AN, a deputada e dirigente Cilia Flores, aliada a Chávez, fixou a data da primeira das duas discussões regulamentares depois que um grupo de 146 deputados governistas entregou à direção parlamentar o projeto de emenda. Chávez promove a emenda constitucional, que deve ser aprovada em referendo entrar em vigor, para poder concorrer à reeleição, pela quarta vez, nas eleições de 2012. A sessão extraordinária para a primeira discussão do projeto será em 18 de dezembro às 11h, disse Flores em um ato legislativo transmitido em cadeia nacional obrigatória de rádio e televisão. Flores não explicou quando ocorrerá a segunda e última discussão parlamentar do projeto, mas expressou que, sem sombra de dúvidas, a maioria dos deputados o aprovará. O projeto de emenda introduzido esta terça-feira perante a AN recolhe não só o sentimento de 146 deputados (...

EFE |

), mas o sentimento do povo venezuelano, do poder popular que já está ativado na rua", afirmou Flores.

Os legisladores do ex-governista Partido Podemos criticou o procedimento de introdução perante o Parlamento do projeto de emenda, o que causou protestos a gritos por parte da direção da AN.

EFE gf/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG