Assembléia Nacional venezuelana não incluiu lei de imprensa em sua agenda

A Assembléia Nacional venezuelana (Parlamento) não pretende realizar nenhum debate sobre a lei especial de crimes de imprensa, esclareceu nesta terça-feira o secretário do órgão legislativo, Iván Zerpa.

AFP |

Zerpa explicou que a Comissão de Imprensa da Assembléia ainda não discutiu nenhum rascunho para o assunto, e portanto o projeto de lei ainda não existe como tal.

Membros da comissão afirmaram na segunda-feira que começariam a estudar e modificar a proposta a partir desta terça, mas destacaram que não há uma data prevista para que este rascunho se transforme em projeto de lei e seja apresentado à plenária do Parlamento.

Na semana passada, a procuradora geral da Venezuela propôs aos deputados uma lei especial sobre crimes de imprensa, que prevê penas de prisão para os condenados, o que gerou enorme polêmica no país.

bl/ap

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG