Tóquio, 30 ago (EFE).- O primeiro-ministro do Japão, Taro Aso, anunciou hoje que abandonará a Presidência do Partido Liberal-Democrata (PLD) devido a sua responsabilidade na derrota nas eleições japonesas, realizadas hoje.

Aso disse que o resultado eleitoral é "muito grave" para seu partido e que é preciso aceitar a resposta do eleitorado. EFE psh/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.