O secretário adjunto para Assuntos do Hemisfério Ocidental dos Estados Unidos, Thomas Shannon, afirmou nesta quarta-feira, em La Paz, que a guerrilha colombiana das Farc está em sua fase terminal e sem capacidade operacional.

"Meu entendimento é que as Farc estã numa fase terminal na Colômbia, está fraturada, fragmentada e perdeu sua liderança", afirmou em coletiva de imprensa, depois de se reunir com o presidente Evo Morales, com quem abordou temas bilaterais.

Shannon insistiu no enfraquecimento das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) depois da morte de seu número dois, Raúl Reyes, em uma operação colombiana em terras equatorianas no início de março, da morte de seu líder Manuel Marulanda de infarto e da libertação de sua principal refém, Ingrid Betancourt.

Indagado sobre as versões desencontradas difundidas pela imprensa de que o grupo armado pretende se deslocar para a Bolívia, Shannon afirmou que a guerrilha colombiana, a mais antiga e numerosa da América Latina, já não tem capacidade operacional.

jac/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.