Arrecadador de fundos para campanha de Obama é acusado de corrupção

Um amigo de longa data do pré-candidato democrata Barack Obama e arrecador de fundos para sua campanha, Antoin Tony Rezko, foi acusado nesta segunda-feira pela justiça de ter usado sua influência politica para conseguir subornos, obter contratos estatais e colocar amigos em cargos públicos.

AFP |

Apesar de Obama não ter sido acusado e de ter afirmado que doou todo o dinheiro arrecadado por Rezko para organizações de caridade, os promotores disseram que alguns dos subornos terminaram nos fundos de campanha.

Obama também está sendo investigado por ter realizado transações de terra com Rezko, empresário imobiliário, em 2005, quando estava sendo amplamente divulgada a investigação pela justiça federal.

Os negócios de Rezko perseguem Obama desde o início da corrida para a nomeação democrata, mas até agora não tiveram maiores impactos sobre sua campanha.

Contudo, isso pode mudar, caso Rezko seja condenado por algum dos 24 crimes pelos quais é acusado, que incluem também tentativa de extorsão e lavagem de dinheiro.

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG