golaço do Brasil na economia, diz jornal - Mundo - iG" /

Argentina vê de longe golaço do Brasil na economia, diz jornal

A imprensa argentina repercutiu nesta sexta-feira a melhora da nota de risco do Brasil, em um tom de comparação que coloca o vizinho maior em posição de vantagem. A linha das reportagens foi resumida no título dado à sua matéria pelo diário financeiro El Cronista Comercial: Grau de investimento, um golaço dos brasileiros que a Argentina vê de longe.

BBC Brasil |

A matéria afirma que o Brasil agora "joga - formalmente - na primeira divisão" dos países receptores de investimentos, um clube do qual já fazem parte, na América Latina, o México, o Chile e o Peru.

Para o diário, a comparação do Brasil com a Argentina - que teve sua recomendação rebaixada pela agência Standard & Poors - é "inevitável".

"O Brasil, com uma taxa de inflação rondando os 4,7% (levemente por cima da meta do Banco Central), não deixa escapar o controle dos preços, enquanto no planeta K (de Cristina Kirchner) os preços chegariam a 25-30% em 2008 e a política antiinflacionária é Guillermo Moreno (secretário de Comércio)."
"Dito não apenas pela S&P mas também pelos analistas ouvidos pelo Cronista, aparece outro traço distintivo: a independência do Banco Central."
O diário La Nación notou que a Argentina "vive uma realidade oposta" à do Brasil na questão dos investimentos. "O risco-país argentino mantem tendência de alta", lamentou o jornal.

Já o Clarín publicou declarações de um especialista que estima que a recomendação da S&P poderia tornar o Brasil atraente para investidores dispostos a colocar US$ 50 bilhões neste ano e no próximo, contra os US$ 34,3 bilhões recebidos no ano passado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG