Argentina se soma a reforço de controles em seu principal aeroporto

Buenos Aires, 27 dez (EFE).- O principal aeroporto da Argentina reforçou os controles em todos os voos que tenham como destino ou que procedam dos Estados Unidos por causa do atentado fracassado da sexta-feira passada, informou hoje a imprensa local.

EFE |

Os controles mais estritos começaram a vigorar neste sábado no aeroporto de Ezeiza, situado nos arredores de Buenos Aires, disse um porta-voz da Polícia de Segurança Aeroportuária da Argentina ao jornal "La Nación".

Desta maneira, o país se juntou aos reforços de segurança já implementados em terminais aéreos de outros países.

A secretária de Segurança Nacional dos EUA, Janet Napolitano, anunciou este sábado um aumento das medidas de segurança nos aeroportos após o atentado fracassado, e advertiu da atenção especial nos voos procedentes de outros países.

Estas medidas foram iniciadas depois que na sexta-feira Umar Farouk Abdulmutallab, um nigeriano de 22 anos que permanece detido, tentou ativar uma bomba no interior do voo 253 de Northwest-Delta, que voava de Amsterdã para Detroit, em Michigan (EUA). EFE ms/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG