Argentina que apresentou sintomas de gripe suína recebe alta em Lima

Lima, 1 mai (EFE).- A cidadã argentina que era mantida isolada em um hospital da capital peruana sob a suspeita de portar o vírus AH1N1, que causa a gripe suína, recebeu hoje alta, informou o diretor regional de saúde de El Callao, José del Carmen.

EFE |

Ele afirmou que Alejandrina Coche, de 27 anos, saiu do hospital após todos os testes clínicos aos quais foi submetida darem negativo e atualmente repousa em um local cujo endereço não quis revelar.

A embaixada argentina foi comunicada da notícia e coordena a viagem de volta da jovem.

O diretor regional de saúde de Del Callao, região onde ficam tanto o aeroporto de Lima quanto o hospital onde Coche estava internada, afirmou que a suspeita de que a argentina levava o vírus da gripe suína foi devido ao grave quadro de gripe comum que apresentou ao chegar ao aeroporto de Lima. EFE fcg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG