Argentina já tem 165 mortes por gripe suína

A gripe suína já provocou 165 óbitos na Argentina, segundo as autoridades de Saúde, que comunicaram nesta segunda-feira mais 28 mortes decorrentes do vírus A (H1N1).

AFP |

O ministro da Saúde, Juan Manzur, disse à Rádio 10 que o número de óbitos passou de 137, na terça-feira passada, a 165 nesta segunda.

A Argentina é o segundo país em números de óbitos pela gripe suína, atrás apenas dos Estados Unidos, com 211 mortes.

Manzur destacou hoje que na última semana as consultas nos hospitais "caíram até 30%".

O ministro reafirmou as projeções de que a gripe suína já infectou mais de 100 mil pessoas na Argentina desde que chegou ao país, em maio passado.

ls/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG