Argentina investirá US$ 4 por habitante em luta contra dengue

Jujuy (Argentina), 14 ago (EFE).- A Argentina destinará US$ 4 por habitante para combater a expansão da dengue, um dos problemas sanitários graves que compartilha com a Bolívia e o Paraguai, países com os quais fechou acordos de ações conjuntas de prevenção, disse hoje o ministro da Saúde, Juan Manzur, à Agência Efe.

EFE |

"Houve uma situação muito grave na Argentina e não há fronteiras para a saúde, por isso acordamos com os ministros de Saúde da Bolívia e do Paraguai uma série de atividades conjuntas", afirmou Manzur.

O ministro fez as declarações na província de Jujuy, no norte do país e que faz fronteira com a Bolívia e o Chile, para onde viajou para dar início ao Plano Nacional de Prevenção e Controle da Dengue e da Febre Amarela e divulgar os acordos fechados com as autoridades sanitárias bolivianas e paraguaias.

"No começo do ano houve um surto importantíssimo de dengue na região. Há 14 províncias da Argentina nas quais há circulação do vírus e o objetivo é diminuir o impacto", disse.

Manzur afirmou ainda que comprará vacinas contra a febre amarela do Brasil.

A Argentina enfrentou este ano a maior epidemia de dengue de sua história, que afetou 50 mil pessoas, causou dez mortes e, segundo os analistas, pode voltar nos próximos meses, com o final do inverno.

EFE ms-hd/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG