Argentina: imposto sobre exportação de grãos financiará obras sociais

Buenos Aires, 9 jun (EFE).- A presidente da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, anunciou hoje que investirá em obras sociais o que for arrecadado com o aumento dos impostos às exportações de grãos, medida responsável por uma crise com o setor agropecuário que já dura três meses.

EFE |

Em um discurso transmitido em rede nacional, Cristina disse que o novo "programa de redistribuição social" do Governo prevê que 60% do que for arrecadado com o aumento dos impostos às exportações de grãos será destinado à construção de hospitais.

Outros 20% vão ser usados para suprir o déficit habitacional da população, enquanto o restante vai ser aplicado no campo, na abertura de estradas.

"Pergunto a todos os argentinos se realmente estamos decididos a abordar o problema da pobreza, porque, sem redistribuir rendas exorbitantes, é impossível", afirmou a governante na sede do Executivo, aonde discursou para cerca de mil convidados, entre empresários, sindicalistas e políticos. EFE nk/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG