Argentina expressa apoio a Morales e condena tentativa de ingerência externa

O governo argentino reiterou nesta quinta-feira seu apoio ao presidente da Bolívia, Evo Morales, e condenou qualquer tentativa externa de desestabilizar governos sul-americanos eleitos democraticamente.

AFP |

Buenos Aires "ratifica seu pleno e incondicional apoio ao governo constitucional do presidente Evo Morales", e "condena qualquer tentativa externa de buscar a desestabilização de governos populares eleitos de forma democrática na América do Sul".

As autoridades argentinas também pediram à comunidade internacional que se pronuncie em favor da ordem constitucional na Bolívia.

O governo da presidente Cristina Kirchner condenou os "graves atos de violência e sabotagem registrados na República da Bolívia, que deixaram mortos, provocaram a destruição de bens públicos e privados e afetaram gasodutos que abastecem países vizinhos", entre eles a Argentina.

A Argentina prega a retomada do diálogo, a "única maneira de se evitar maiores problemas entre os bolivianos".

jos/yw/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG