Argentina confirma novo caso de febre amarela na fronteira com Brasil

Buenos Aires, 12 abr (EFE).- A Argentina confirmou um novo caso de febre amarela na região da fronteira com o Brasil, elevando para seis o número de afetados pela doença, que já matou uma pessoa no país, disseram hoje fontes oficiais.

EFE |

Trata-se de um homem que mora na cidade de Bernardo de Irigoyen, na província de Misiones (norte), na fronteira com o Brasil, destacaram porta-vozes do Ministério da Saúde provincial.

As fontes asseguraram que o estado de saúde do homem é bom, e que ele se recupera em casa, depois de receber alta de um hospital de Misiones, também na fronteira com o Paraguai, onde a doença já matou oito pessoas este ano.

No Brasil, foram registradas 19 mortes entre meados de dezembro e final de fevereiro na região Centro-Oeste.

A febre amarela é uma doença viral aguda e infecciosa que é transmitida pela picada do mosquito "Aedes aegypti", também causador da dengue. EFE ms/wr/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG