Os governos de Argentina, Brasil e Colômbia pediram hoje o diálogo franco e amplo entre os principais atores políticos da Bolívia, após o apoio em massa demonstrado neste domingo no referendo autônomo realizado no departamento boliviano de Santa Cruz. http://ultimosegundo.ig.com.br/bbc/2008/05/05/apos_derrota_em_referendo_morales_pede_dialogo_1298821.html target=_topApós derrota em referendo, Morales pede diálogo http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2008/05/05/governo_boliviano_diz_que_autonomia_e_inaplicavel_1297716.html target=_topGoverno boliviano diz que autonomia é inaplicável

    Clique na imagem e veja o infográfico sobre o referendo

Argentina, Brasil e Colômbia expressam sua convicção de que mais do que nunca é necessário o em breve estabelecimento de um diálogo franco e sincero entre os principais atores políticos da Bolívia, visando à preservação da institucionalidade democrática e a integridade territorial boliviana".

A declaração conta de um comunicado do Grupo de Países Amigos da Bolívia.

"Este processo deve estar baseado em uma agenda aberta, essencial e sem precondições, e também no estabelecimento de um clima de paz, serenidade e tolerância", sustentou.

As três nações expressaram sua confiança em que "o povo boliviano saberá encontrar os caminhos para a superação das presentes adversidades em democracia e com pleno respeito ao estado de direito e à unidade do país".

Nesse sentido, os governos dos três países reiteraram sua "disposição a seguir contribuindo no que for necessário para a facilitação desse objetivo".

Leia mais sobre: Bolívia

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.