Argentina: 20 feridos e 8 detidos em protesto em Córdoba

Pelo menos 20 pessoas ficaram feridas e oito foram detidas nesta quarta-feira durante violentos incidentes entre funcionários públicos e policiais na cidade argentina de Córdoba, em meio a um protesto contra a redução de aposentadorias.

AFP |

Uma verdadeira batalha campal tomou conta do centro de Córdoba, deixando sete policiais e 13 manifestantes feridos, segundo um oficial.

O incidente ocorreu quando a Câmara Provincial debatia uma reforma do regime previdenciário, que reduz em entre 22 e 25% as aposentadorias superiores a 5.000 pesos (1.645 dólares). A medida é promovida pelo governador peronista da província de Córdoba, Juan Schiaretti.

Apesar do protesto, a redução do valor das aposentadorias foi aprovado.

Para dispersar os manifestantes, a polícia disparou balas de borracha e lançou bombas de gás lacrimogêneo, enquanto era atacada com fogos de artifício, pedras e garrafas.

Schiaretti afirma que a redução das aposentadorias é necessária para enfrentar a suspensão do repasse de verbas do governo federal, da presidente Cristina Kirchner, adotado como represália por seu apoio à greve do setor agrário.

ls/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG